RetroReview: Castle of Illusion – Mega Drive


Muitos anos atrás, antes mesmo de comprar o meu saudoso Mega Drive, eu já finalizava alguns games jogando por tempo na locadora perto de onde eu trabalhava, tempo este que se estendia por uma ou duas horas de almoço. Nada como não ter hora para voltar ao escritório depois de uma manhã cansativa de entregas pelo centro da cidade… Pois é, vida de Office Boy tinha suas vantagens!

Tenho saudades desta época de poucas responsabilidades. Tudo era mais simples, bastava eu cumprir com minhas poucas obrigações profissionais e todo resto acontecia sem muito esforço. O dinheiro até sobrava devido às minhas traquitanas na hora de somar os gastos com as conduções do serviço, e era parte dessa bufunfa que eu deixava todo dia nas mãos do dono da locadora sem a menor cerimônia. Também pudera, a prateleira cheia de jogos de Mega Drive do estabelecimento era simplesmente irresistível! E foi lá que eu joguei muitos dos games mais marcantes de minha vida, jogos que as vezes não deixaram lembranças tão boas só pela qualidade de cada um, mas sim por que lá eu tinha plateia, tinha gente torcendo e comentando, dando pitaco, às vezes até o dono da loja me dava tempo de graça para que eu terminasse determinada fase, ou até mesmo “salvasse” o jogo, que era o termo que eu utilizava naquele tempo para quando eu “fechava” ou “finalizava” um game. Pensando bem acho que até o dono torcia por mim, pois ele sempre demonstrou ser um cara que realmente gostava de videogames, senão, por qual outro motivo ele me daria meia hora de graça só pra ver eu terminar Castle of Illusion?

O game do camundongo da Disney desenvolvido pela SEGA em 1990 era um verdadeiro colírio para os olhos, uma mescla perfeita de visual, trilha sonora e jogabilidade que encantava qualquer um que passasse por perto de alguém jogando, e naquela locadora não era diferente. Muitos entravam lá pra jogar por tempo ou para alugar algo, e acabavam deixando essa intenção de lado enquanto assistiam o Mickey passar fase após fase em busca do covil da bruxa Mizrabel, que havia sequestrado Minie Mouse na intenção de roubar a sua beleza. É bem simpática a ratinha né? Encanta crianças do mundo todo até hoje! O negócio é que eu, todo o santo dia por mais ou menos uma semana, entrava naquele estabelecimento exclusivamente para jogar Castle of Illusion por pelo menos uma hora, e foi lá que eu terminei o game pela primeira vez na minha vida. Lembro que no dia anterior eu havia chegado na Mizrabel só pra tomar uma surra de seus fantasminhas giratórios, coisa que me fez voltar para o escritório bufando de raiva e que me rendeu um mau humor daqueles bem notáveis pro resto do dia. Naquela nova tentativa eu não queria chegar mais uma vez nela só para tomar outra cacetada… E eu a enfrentei novamente, e a batalha foi ferrenha.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].003

Eu já havia jogado a versão de Master System, jogo que por sinal, foi o primeiro que eu terminei na vida (ainda vou contar essa história), só que ambos os games são muito diferentes, a mecânica de cada um é única, e de igual eles só tem mesmo o protagonista, a trilha sonora, e o tema em que cada fase se baseia. Para mim, a versão de Mega Drive estava sendo uma experiência nova, mas nostalgicamente familiar.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].037 Castle-Of-Illusion-Master-System

Não me lembro se cheguei a alugar alguma vez o game após ter comprado o meu Megão, mas apesar de saber que o jogo é excelente, a verdade é que hoje, 23 anos após o lançamento do game, eu já não conseguia mais me lembrar do que me fazia adorar tanto aquela aventura. A gente lembra das sensações, sabe que é bom, que é um clássico, mas… por quê? Eu já não me recordava de nenhum detalhe do game fora a trilha sonora. Eu tinha uma recordação muito leve da temática de algumas etapas, sabia que o Mickey atirava maçãs e atacava com bundadas, e só. Caros amigos retroaventureiros, quando isso acontece, a solução é simples:  jogar novamente! Foi o que eu fiz, e meu Deus, como Castle of Illusion é maravilhoso!

Como pode um título de mais de 20 anos ser tão bom e agradável a ponto de parecer um jogo recém lançado? Castle of Illusion starring Mickey Mouse, pra dizer o nome completo da coisa, é uma daquelas obras que só se consegue fazer uma vez na vida, daquelas que não adianta lançar continuações e remakes pois não tem como estes serem tão bons, marcantes e especiais quanto o original… Nunca serão, jamais serão!

Basicamente, estamos falando de um plataforma side scroll de ação/aventura com contagem de pontos como era de praxe para a época, contador de vidas e três generosos continues, jogabilidade simples e suave, gráficos lindos, e uma trilha sonora épica. Neste curto relato não notamos muita diferença do que víamos dentre os melhores jogos da época, mas nos anos 90 era assim mesmo: o que definia o valor de um jogo era o quão capaz de nos fazer viajar ele era, e para isso, era necessário por o cartucho no aparelho e comprovar por conta própria o que as conversas entre amigos, os comentários nas locadoras, e principalmente aquele monte de revistas da época diziam a respeito do título. Em se tratando de Castle of Illusion, é assim que começa a mágica.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].064 Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].074

Da abertura ao final do jogo, o que se vê é um espetáculo de criatividade! Todas as fases do game foram lindamente criadas com base em temas muito distintos, nada é igual, não existe repeteco, e o capricho em cada detalhe gráfico é algo que surpreende demais para a época. Apesar de usar poucas camadas de profundidade (Parallax, muito utilizado no Mega Drive) e de não possuírem um design muito complexo, a variedade de situações inusitadas que as fases do jogo nos apresenta compensam esta simplicidade, e a ação e a exploração acabam se unindo de maneira única. Enquanto jogava novamente o título, logo na segunda etapa da primeira fase, me bateu uma sensação de que em um daqueles buracos onde tem cipós, existia algo secreto, e eu comecei a cair neles e realmente tinha algo lá escondido para ser encontrado, e logo a frente desci um barranco correndo desesperadamente para evitar que uma maçã gigante esmagasse o camundongo. Assim são as coisas em Castle of Illusion, hora exploramos, hora tentamos sobreviver aos desafios que o Castelo das Ilusões nos impõe.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].066 Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].004

O game é relativamente curto: são 5 etapas iniciais divididas em duas ou três sub-fases que escondem 7 gemas mágicas. Estes são os objetos que o camundongo deve coletar para poder abrir caminho até a torre de Mizrabel, que constitui a derradeira etapa do jogo. Obviamente, cada uma destas fases tem um chefe nos aguardando no final, alguns deles muito fáceis, outros moderadamente difíceis, como o Dragão da garrafa de leite… Ô bicho chato! Num todo posso dizer que o jogo é moderadamente difícil, daqueles que requerem treino e alguma dedicação, pois não é de uma hora pra outra que nos tornamos mestres na arte de acertar bundadas nos inimigos, e as maçãs que atiramos são poucas e não tem a mesma eficiência. Acho que em termos de dificuldade, a pior coisa do jogo são mesmo os terríveis Buracos Sem Fundo, que aqui existem aos montes e podem ser bem frustrantes pois funcionam do jeito antigo: caiu morreu, bem diferente do remake bonzinho onde eles só tiram um ponto de energia como penalidade. Jogadores experientes terminam o game na terceira ou quarta tentativa, mas há quem diga que penou por meses para terminar! Vai tudo da habilidade e da insistência, pois a recompensa é certa: um final digno de um excelente jogo.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].120 Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].101

Mas se você é um jogador meia boca que vai ver a tela de Game Over umas 30 vezes antes de conseguir fechar o jogo, saiba então que você é na verdade um grande felizardo, pois o seu tempo de exposição a uma das mais maravilhosas trilhas sonoras de game já criadas será bem maior! Castle of Illusion tem algumas das mais belas e memoráveis músicas já criadas para um jogo, do tipo que se tornam inesquecíveis, e que trazem à mente a lembrança da fase em questão mesmo que já tenham se passado décadas! É uma das minhas 3 favoritas de todo o sempre, ao lado das de Mega Man 2 e Sonic the Hedgehog. Ouvi-las de novo foi um prazer imensurável. Como o jogo não tem marcador de tempo (sempre detestei isso nos games), por muitas vezes eu soltava o controle e deixava o Mickey lá requebrando enquanto eu ouvia as músicas por vários minutos, que delícia! Não é à toa que o que eu mais gosto no remake do jogo são as músicas originais remasterizadas: ficaram lindas, e para mim, aquele jogo nunca seria um remake decente sem elas.

CASTLE-OF-ILLUSION-starring-mickey-mouse-sabat-review-analise-retroplayersJoguei Castle of Illusion starring Mickey Mouse como se fosse a primeira vez, e como foi maravilhoso desenterrar da minha mente tudo aquilo que eu já conhecia sobre ele. A cada fase, um sorriso novo, a cada chefe derrotado, a sensação de vitória, e assim eu fui até o final do jogo, atingido após a quinta tentativa, mais ou menos o mesmo tempo que eu levei para terminar lá na locadora mais de 20 anos atrás. Esse jogo poderia facilmente ter se tornado uma animação da Disney… Até hoje não sei o motivo disto não ter acontecido, pois ele é tão clássico quanto qualquer obra cinematográfica da empresa e tem um enredo mais legal que metade deles! Foi um dos maiores ícones do Mega Drive, o típico jogo brilhante que se torna obrigatório para quem tem o console, que cativou milhões de pessoas na década de 90 e continua cativando até hoje. Eu fui uma delas, naquela locadora jogando por tempo, com aquele monte de gente me vendo chegar ao fim da aventura pela primeira vez: sim, a batalha foi ferrenha, mas por fim, venci a bruxa e resgatei a namorada do camundongo, uma sensação tão boa de conquista que eu mal podia escutar os aplausos atrás de mim… Tá, essa parte dos aplausos é mentira, mas o enorme sorriso na minha cara não negava que havia sido um belo de um final feliz pra todo mundo. Até para o dono da locadora.

Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].111 Castle of Illusion Starring Mickey Mouse (UE) [!].128

Comentem!


Sobre Sabat

Editor Chefe do RetroPlayers, Redator e Editor nos Livros e Revistas WarpZone, Podcaster e editor de áudio, Saudosista, e Analista de Informática porque algo tem que dar dinheiro né!

Adicionar a favoritos link permanente.
  • Kanonclint

    Pra mim esse é o melhor game do Mickey fácil fácil. E ao lado de Fantasia e World of Ilusion formam a trinca dos melhores games do camundongo de todos os tempos.

    • Opa Kanon!! Rapaz, World of Illusion é um game que só de falar eu me arrepio!! Adoro demais, é uma daquelas aventuras que assim como Castle of Illusion, marcam a gente para sempre. Já fantasia…… esse quando eu escrever sobre ele, você verá o que eu acho do jogo kkkkkkkkkkk Posso adiantar que eu o acho muito bom, mas será quase uma retroneurose kkk

      • Kanonclint

        Kkkk devo imaginar cara.
        Fantasia é irritante de dificil . Mas extremamente recompensador. Trilha sonora pra mim insuperavel.

        • Cara, irritante é modéstia kkkkkkkk é daqueles de REALMENTE TACAR O CONTROLE NA PAREDE!!! Nunca consegui terminar pagando todas as notas, ou melhor, só terminei uma vez e não foi pegando todas as notas, ai nem sei o que acontece!!!

  • Jean

    Realmente é um ótimo jogo. Tive o prazer de zerá-lo (como dizemos aqui na minha área) recentemente e posso afirmar: ele representa toda a magia e diversão que somente a SEGA e a Disney sabem transmitir. Ótimo site, continuem assim.

    • Opa Jean, valeu cara ^^

      Sega e Disney faziam uma dupla realmente dinâmica na década de 90, foram muitos jogos inesquecíveis!! E a coisa só melhorou quando a VirginGames resolveu fazer parte da coisa ^^

  • O melhor game do Mickey e um dos top 10 do Mega, certamente!!
    Fez muito bem em ter jogado novamente Sabat…

    • Opa Jeff XD jogasso mano, top 5 pra mim ^^ Trilha sonora é coisa de outro mundo!!

  • Benigno Lopes

    Lembro que terminei esse jogo pela primeira vez, usando um detonado da antiga revista VideoGame, se não me engano foi a número 4 🙂
    Jogão e muito bom o review Sabat!!
    Recomendo também o QuackShot, outro jogão só que um pouquinho mais difícil.

    • Quack Shot é CRÁSSICO benigno XD Já tem review dele no site, se não me engano foi o Ivo que escreveu!! Só falta o World of Illusion pra completar a trinca de ases do Megão ^^

  • ElfoGamer

    Muito bom review, gosto muito do Castle of Ilusion. Ainda não terminei essa versão do Mega, mas a versão do Master já terminei dezenas de vezes.
    Comprei o remake, mas vou jogá-lo somente quando terminar esse do Mega.

    • Opa Elfo!! Eu simplesmente AMO a versão do Master cara XD Foi o primeiro jogo que eu finalizei na vida, e tenho um carinho enorme por ele ^^

      Assim que eu conseguir me organizar aqui (preciso montar um local em casa pra uma TV de tubo kkk maior bagunça, AP pequeno!!!) vou começar uma maratona de Master System, e Castle of Illusion será o primeiro jogo dela!

  • Visionnaire

    Hoje jogarei esse jogo quando chegar em casa. Ler esse artigo me instigou à fazer isso, muito bom!!! Jogo perfeito mesmo, só que pra mim ele perde para o World of Illusion com um final boss fuderoso que marcou minha vida gamer.
    Mega Drive e suas pérolas!

    • Visio do céu… World of Illusion só tem um defeito: é fácil demais! Só isso, tinha que ser um pouco mais difícil! mas nossa senhora, que jogo lindo!!!

  • Istemthebronx

    Jogaço mesmo Sub-zera. Um dos melhores ao lado da trilogia Mickey Magical Adventures e do Mickey Mania. Toda vez que ligo o Meguera aqui dou uma jogada nele, bom demás! E ótimo rewiew!

    • MEU AMIGO INSTÊMTHEBRÓNSKY!!!!

      Saudade de vc maninho!!! altas jogatinas online, vc tentando terminar a porcaria do Final Fight no super very hard extreme plus death kkkkkkkkk

      Eu vou jogar os Magical Adventures tb viu!! Um deles, o |Magical Quest 3, eu terminei mano, e foi um dos games mais fáceis da minha vida kkkkkkkkkkkkkkkk

  • Ivo

    Eu nunca tinha jogado esse game Sabat, até uns meses atrás, quando peguei o Mega e resolvi fechar ele. A desculpa para nunca ter jogado era que eu tinha aquela velha richa com o Mega Drive sendo um proprietário de SNES.

    Mas voltando, fechei ele uns meses atrás e digo que é um JOGÃO. Matei a bruxa na última vida do último LIFE >.< hahahahahaha! É o tipo de jogo que tomava GAME OVER e voltava a jogar com mais vontade. Eu só acho ruim você ter que colocar para baixo para mater os inimigos quando pula.

    Muito legal esse teu review. Parabéns. Olha que achei =)
    https://www.youtube.com/watch?v=FhJyRyKaqEI

    • ahUAHUhauAH ultima vida do último life é a adrenalina máxima XD o sabor de vitória é máximo mano! GENESIS DOES EHUEHUEUE

  • Dazan Tiga

    Quando vi esse jogo na locadora na época do lançamento babei litros, era como jogar um desenho animado. O detalhe do Mickey desequilibrando nas beiradas dos cenários era inovador pra mim, as expressões dele, o gráfico,a jogabilidade, a música, até o rótulo do cartucho é clássico!! Parabéns Sabat!! Mais um excelente retro review!! Acho muito foda a sua contextualização contando coisas da época, aventuras das locadoras que todos nós vivemos, não deixe de colocar isso nos próximos textos.
    Abração

    • Opa Dazan, eu é que agradeço maninho!! Sempre que eu posso eu retrato a época mesmo kkk tem coisa melhor? XD

  • Cadu

    Carácoles, eu tinha lido o review e esqueci de comentar. Voltei aqui e li de novo pq ficou sensacional. E acho que o jogo merece todos os elogios e destaques que vc deu a ele, tanto quanto a nota. É um dos “Must Play” do Mega Drive, melhor jogo do Mickey de longe entre todos que joguei em todas as plataformas! Só não é o melhor Disney pq Quackshot existe e aquele jogo é uma obra prima completa!
    O remake é bacana e tal, bastante competente… mas leva uma bundada forte do original. Bundada sim, algo que faltou no remake!
    E concordo plenamente com o fato de ser uma das melhores trilhas sonoras de games!
    Parabéns, Sabat… review sensacional mesmo!

    • TRATANTE!!! Como assim leu e não comentou???
      heuehuhuuehheuhu
      Valeu mano XD e olha só… eu prefiro esse a QuackShot XD

      • Cadu

        Curioso: eu que prefiro jogos mais diretos preferindo o jogo explorativo e vc que prefere os explorativos preferindo o mais direto.
        hahuahuahua
        Vai entender!

        • Eu sou aberto a todos os tipos de jogos para consoles XD menos Pokemon…

          • Cadu

            huahuahuahuahua
            Também estou longe de ser fã de Pokémon.

  • William Nunes Pinheiro

    Fala Sabat, blz?

    Rapaz, se existiu uma grande falha na minha vida gamística, foi não ter jogado este clássico na sua época, terminei a poucos meses no emulador… haaa que jogaço eu perdi na época, mas quem nunca cometeu um erro destes que atire o primeiro joystick ao chão, kkkkk

    A pouco tempo também o experimentei no PS3, esta nova versão, que lindo, que delícia…

    Mas é isso aí, antes tarde que nunca.

    Abraço!

    Boca-Fox

    • Opa Willian, como vai? ^^

      Pensemos assim^você pelo menos remediou o negócio, e foi atrás do jogo XD pronto, está colocado aquele band-aid na sua vida gamística kkk

  • Matheus Henrique Soares Lima

    Eu cheguei a jogar muito esse jogo na casa da minha tia, local que eu mais amava visitar ( por que sera? Mega ….. ), nunca zerei no normal, só no fácil. Hoje acabei de zerar o remake lançado para ps3 e achei divino, devo admitir que a minha esperiência com jogos de plataforma fora da era 8 e 16 bits é mínima ( só zerei Pac man World 2 e o primeiro Crash ), mas agora pretendo dar uma chance para o estilo ( sim, passei a desejar o Super Mario 3d World ), devido a isso, infelizmente não comprarei um ps4 ano que vem, e sim um Wii u.

    • Opa Matheus ^^ Cara, o rebirth do jogo em 3D é muito bom, mas não tanto quanto o original… Não sei se tem a ver com nostalgia ou dificuldade, mas a conquista, a sensação de dever cumprido, é algo extraordinário! Vale a pena demais jogar o antigo, mesmo nos dias atuais ^^

      Quanto ao WiiU… pode mandar bala, biblioteca de qualidade garantida ^^

  • Louriberg França Costa

    Jogaço do Megão. Um dos meus games preferidos também. Bonito, divertido, com fases lindíssimas, trilha sonora inesquecível e espetacularmente bem composta, que faz com que a gente entre no clima do jogo. Infelizmente muito curto, assim como batman do nes 8 bits. Deveria ter pelo menos o dobro de fases para a nossa alegria…ahhhh, bons tempos…

    • Rapaz, esse é um dos jogos que mais marcaram a minha vida ^^ Como eu amo esse jogo!!!
      Maninho, percebi que vc está dando uma folheada no site XD peço desculpas pela falta de estrutura de algumas matérias, estamos arrumando tudo aos poucos para ficar jóia com o novo design do site ^^ Valeu pelas visitas e pelos comentários cara ^^ tentarei responder todos XD

  • Pingback: Castle of Illusion – Tizil Games Tizil Games()