RetroNews: Dreaming Sarah é jogo brasileiro que precisa de ajuda!


Todo jogo lançado teve que nascer de algum jeito, seja ele pelas mãos de alguma grande ou média empresa deste segmento, seja pelas mãos de pessoas que simplesmente entraram com a cara, a coragem, e a vontade para fazer com que esse acontecimento fosse possível. Quando esta segunda alternativa é a que vale, então podemos ter certeza de que o caminho até o lançamento foi árduo, daqueles que muitas vezes, quase causam até mesmo a desistência dos programadores devido às dificuldades impostas por esta indústria que cada vez mais, movimenta cifras exorbitantemente altas.

As vezes estes jogos se revelam verdadeiras pérolas retrôs, daquelas que ajudam (e muito, diga-se de passagem) a manter viva a alma dos antigos games de plataforma que nós tanto adoramos, mas quando vemos, o negócio já está lançado e fim de papo, resta a nós jogar e ajudar com uns trocados aquela boa alma programadora que provavelmente nem teve financiamento para criar o dito jogo. Mas e quando a gente fica sabendo de antemão que um projeto muito legal e que engloba tudo isso que eu acabei de relatar está sendo feito e aguarda a nossa ajuda para que possa ver a luz do dia?

Este é Dreaming Sarah, um projeto que está sendo feito por um programador amante de jogos eletrônicos, chamado Andre Chagas Silva. Segue a descrição do projeto:

Dreaming Sarah (anteriormente conhecido como Project Sarah) é um adventure 2D de plataforma. O jogo consiste em explorar os sonhos de Sarah, uma garota que está em coma, e descobrir uma maneira de fazê-la acordar.

O jogo é um adventure, ou seja, você fala com os personagens, coleta itens e os usa em outros lugares, e principalmente explora. Ele é baseado em jogos como Metroid, Castlevania e Yume Nikki (sendo que esse último serviu de grande inspiração).

Assim como os jogos mencionados, Sarah tem diferentes habilidades que a ajudam a explorar ainda mais o mundo em que se encontra, desde uma lupa que a faz diminuir, até um pula-pula que a faz pular mais alto. Essas habilidades serão encontradas pelo jogo, e só se pode conseguir o final bom achando todas elas.

O programador está tentando duas proezas: adquirir fundos pelo Catarse, que é um KickStarter latino, e colocá-lo pra ser baixado no Steam, a mais popular plataforma de jogos para PCs, e clicando nestes dois nomes mencionados, você pode acessar e ajudar o projeto. Claro, doando pelo Catarse você pode adquirir o game pela quantia mísera de $10 Dilmas, mas doando um pouco mais, o Chagas promete enviar uns agrados diretamente para sua pessoa, que vai desde brindes surpresas à versões físicas do jogo, com manuais e caixinha.

Confira um teaser trailer do jogo, e me diga se não vale a pena, caro amigo retroaventureiro:

Por enquanto o projeto não data para ser finalizado, mas nunca ouvi falar de qualquer projeto que tenha sido aprovado nos KickStarters da vida e não tenha sido lançado!

Opinião do Sabat: Eu ajudarei, parece promissor demais para que eu não me aventure pelos sonhos que rolam no cérebro em coma de Sarah. Espero e torço para que este game consiga angariar os fundos de que precisa para ser finalizado, seria uma pena essa garota tão pixelada não vir a se tornar mais uma heroína dos games.


Sobre Sabat

Dono, Chefe, Gerente, Cara da Xérox e Tia do Café do RetroPlayers! Meu negócio? Falar sobre games. Como? Escrevendo meus trabalhos, gravando minha voz horrível, ou filmando minhas humildes proezas! Onde? Aqui, ali, ou onde quer que me chamem!
Adicionar a favoritos link permanente.
  • ganon,o destruidor

    e de se imaginar a dificuldade quando alguem resolve por sua vontade fazer um game que volte aos aspectos de games antigos ,ate porque esses games as vezes sao geniais e mereciam ate uma versao original para uma plataforma ,e uma pena que as grandes empresas ignorem esses projetos…

    • Grandes empresas estão indo para o beco sem saída que são os games em 1ª e pseudo-3ª pessoa, todos iguais, com jogabilidades iguais, e com tutoriais iguais para ensinar os jogadores a pular ou bater… Quando isso enjoar, não terá volta, e é ai que eu TORÇO para que esse mercado de jogos indies esteja repleto de bons games e ideias realmente inovadoras.

  • somente pelos gráficos e pelas fotos aqui mostrados, acho que vale o investimento. gosto como os games sem muito investimento( me recuso a chamar desses de indies) estão surgindo por aí.

    • Pois é Leandro! Espero que esse saia, espero MESMO ^^

  • Cara, o jogo parece muito legal!
    Já to pulando pra página do catarse!

    Tem muito desenvolvedor brasileiro com grandes ideias, se ao menos houvesse mais apoio… =

    • Brasileiro só da apoio pra música ruim e futebol, o resto……..

  • aki é rock

    Parece ser bem interesante esse jogo espero que ele consiga arrecadar o dinheiro para terminar o seu projeto.

    • Bom, ta em 1445 contos, e tem 38 dias pra arrecadar 5mil ou o projeto não sai ^^ Vou torcer pra que uma galera doe os 10 contos mínimos! Lembrando que a grana só é sacada de nosso cartão CASO o projeto seja aprovado.

  • Eu acabei de fazer minha parte, já estou apoiando, agora é só esperar receber o CD em casa e ver meu nome nos créditos do jogo. Boa sorte ao criador.

    • Opa Cleber ^^ eu tb já fiz a minha!!1 Tomara que eles consigam ^^ Se sim, vai virar review aqui kkkk

  • Hyper Emerson

    Notem que o Andre conseguiu uma publisher para o jogo e o projeto no Catarse foi parado. O jogo será lançado em 2014.

    • Pois é rapaz ^^ Considero isso uma excelente notícia XD

  • Galera, obrigado mesmo pela ajuda na divulgação! Pois é, eu consegui uma publisher agora e o jogo será lançado em 2014. Adiei a data pra fazer o jogo com mais calma e não cortar nada na pressa de lançar logo hahaha. Também estarei lançando uma demo até outubro, provavelmente um pouco antes. Obrigado!!

    • Rapaz, que sorte você teve ^^ Ou será que foi competência? Bem, dizem por ai que ambos esses fatores andam abraçados XD

      Olha, o que eu quero é jogar ^^ então vamos esperar essa maravilha ser lançada e até lá, vou jogando outras coisas ^^

      Boa sorte André!!!

  • Adilson

    André, já pensou além de colocar lá no jogo os devidos créditos e tals… uma opção tipo “colaboradores” ou “doadores” e dai sai o nome da galera toda que ajudou… não precisa divulgar o $$$ doados… mas só da gente ver o nosso nome lá já é uma coisinha que se certa forma nos recompensa em saber que de alguma forma também participamos da realização do jogo.
    Acho que isso seria interessante… e ajudaria…

  • Cadu

    Pô, parece bem promissor o jogo, tomara que ele alcance o objetivo e saia para que possamos jogá-lo!
    Dá orgulho saber que é um projeto feito por um brasileiro. Parece que as coisas aqui estão ficando cada vez mais bacanas. Pena que falta apoio.
    Bem, vamos ao Catarse!

    • Tá atrasado Cadu, pqp XD P jogo já saiu do catar-se para ser financiado por uma fabricante grande ^^

  • Pingback: Trailer de Dreaming Sarah | The Twosday Code()